sexta-feira, 16 de setembro de 2016

QUISQUALIS-AFRICANO (Quisqualis falcata var. mussaendiflora)

À primeira vista lembra muito a Mussaenda de cor vermelha, tanto é que as primeiras mudas que foram colocadas à venda eram frequentemente confundidas com esse arbusto já bastante conhecido e apreciado no paisagismo brasileiro. Estamos falando do QUISQUALIS-AFRICANO ( Quisqualis falcata var. mussaendiflora ) , trepadeira ainda pouco conhecida no Brasil e de múltiplas utilidades podendo até ser mantida como arbusto. E realmente é uma espécie de Quisqualis, gênero que reúne cerca de 14 espécies distribuidas pela África e Ásia e pertencem à família das combretáceas


É planta caducifólia, suas folhas são na forma oval-lanceoladas, simples e opostas, na coloração verde-escuro. Suas flores são minúsculas e com cinco pétalas brancas, reunidas em tufos.


Essas flores na verdade, como nas espécies de Mussaendas, não apresentam maiores atrativos ornamentais e o que realmente impressiona nessa trepadeira são as brácteas grandes coloridas intensamente  em vermelho-vivo com textura levemente aveludada que permanecem muito tempo na planta sem perder o colorido.


Essa espécie é nativa da República Democrática do Congo ( antigo Zaire ) e não suporta temperaturas abaixo de zero devendo ser cultivada preferencialmente em solos areno-argilosos levemente úmidos. Quanto à luz o local ideal para cultivo é exposta ao sol da manhã  e protegida da insolação do meio-dia para a tarde.  



Em paisagismo pode ser cultivada como trepadeira direcionando seus galhos ao suporte logo no início. Também pode ser mantida como arbusto através de podas periódicas, dessa maneira torna-se uma opção bastante interessante para formar grandes maciços em gramados semelhante ao que se costuma fazer com as Congeas. 


DICAS DE CULTIVO :

Luz : Exposta ao sol da manhã e protegida contra a insolação dos períodos mais quentes da tarde e também em locais de meia-sombra. Isso não quer dizer que não possa ser cultivada a pleno sol, nesse caso o único inconveniente é que as folhas ficam menores e menos brilhantes mas a florada florada fica até mais colorida.

Solos : Areno-argilosos, levemente úmidos e enriquecidos com matéria orgânica.

Origem : República Democrática do Congo ( antigo Zaire ).


Texto e fotos : LUIS  BACHER

Onde encontrar mudas :

DIERBERGER PLANTAS LTDA.
Fazenda Citra - Limeira - SP.
CEASA Campinas - Mercado de Flores - Box R-14
Tel. (19) 3451-1221
www.fazendacitra.com.br



2 comentários:

  1. Parabéns pelo Blog!
    Muito interessante.
    Podemos ver as incríveis maravilhas da natureza e saber suas histórias!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico contente que tenha gostado e agradecemos pelo elogio.

      Excluir